A vida que nos consome e pela qual somos consumidos

A vida é uma euforia uma loucura, somos consumidos em todo tempo pela ansiedade do ter e do fazer...

A mídia todos os dias nos puxa para essa loucura, cada dia novos produtos, novas coisas, novas modas, novas informações, novas tecnologias... que nos traga, nos engole e cria em nós um sentimento de que estamos sempre atrás, pois dormimos atualizados e acordamos desatualizados, tamanha a velocidade com que as coisas acontecem. E isso gera em nós um sentimento de que precisamos produzir, precisamos alcançar, precisamos conquistar...

E isso tem até um tom motivador, o que é novo e o que é tecnologia é bom e muitas vezes até facilita a nossa vida...

Porém com essa mesma velocidade de que as tecnologias, as informações e as coisas acontecem, essa também é a velocidade da vida, da mesma forma que o ontem já não é mais hoje, assim também é a nossa vida, o que passa não volta mais o que deixamos de viver não viveremos mais...

E quando olho pra dentro de mim, me questiono. - O que tenho feito com minha vida?

Com que velocidade as coisas boas da vida tem passado por mim? E o que tem passado, de forma tão rápida, que não tenho nem percebido?... E os questionamentos prosseguem...

Uma das coisas mais importantes da vida, são os relacionamentos, mais com tanta velocidade, como tem ficado a qualidade dos nossos relacionamentos?

Nossos relacionamentos de forma geral, como pais, como filhos, como maridos ou esposas, como gente e com Deus...

Acho que é hora de parar, olhar pra dentro de nós, revermos alguns conceitos, pois tudo passa e não volta, e por maior que forem as conquistas na velocidade da vida, existem percas que são irreparáveis, momentos que não voltam e não tem preço, a euforia da vida nos faz perder a sensibilidade de sermos gente... Vejo na vida do Rei Davi, que mesmo tendo um reino inteiro em sua responsabilidade, mantinha a sensibilidade de ser gente e de se preocupar com coisas mais simples da vida (Eu me deitei e dormi; acordei, porque o SENHOR me sustentou.) Salmos 3:5.

O Senhor Jesus nos faz um convite a um relacionamento pessoal, ( Mas tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente.) Mateus 6:6.

O relacionamento com Deus, é algo que não tem preço, e quando o deixamos de fazer não conseguimos recuperar o que passou...

Deus nos deu a Vida pra ser vivida com Graça, e não pra sermos consumida por ela.

Quero te convidar a tirar os pés do acelerador da vida, e parar para vivê-la...

Em Cristo que nos deu a vida, inclusive a sua própria, para que a vivamos com Graça e na Graça...

Cássio Ghiotti